Notícias

Especialistas comentam benefícios do uso do Design no setor público em roda de conversa

O encontro virtual integra o segundo ciclo de debates do InovaEscola e foi transmitido ao vivo pelo canal da ESMPU no YouTube
publicado: 29/07/2020 14h56 última modificação: 29/07/2020 15h29
Imagem com fotos

Imagem com fotos

“É fundamental que agentes públicos disseminem como o Design é importante na melhoria das políticas públicas e no desenvolvimento de uma gestão eficiente, capaz de resolver os problemas internos da organização e, principalmente, de criar soluções para atender ao público externo, neste caso, o cidadão”. A afirmação é do gerente técnico da Superintendência de Planejamento Institucional da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC), Rodrigo Narciso, e foi feita durante a roda de conversa “Como o Design pode contribuir para melhoria dos serviços públicos”, promovida pelo InovaEscola, laboratório de transformação da Escola Superior do Ministério Público da União (ESMPU), na tarde desta terça-feira (28/7), por meio de plataforma digital. Clique para assistir.

O encontro virtual integra o segundo ciclo de debates realizado pelo InovaEscola, que se propõe a discutir como o Design pode impactar o serviço público e a prática jurídica. A mediação do debate foi feita pela líder de Estratégia e Inovação Institucional da ESMPU, Lígia Maria de Souza Lopes, e o evento contou ainda com a participação da consultora em Design e facilitadora de processos criativos para inovação Laura Dusi.

Ao iniciar sua apresentação, Dusi contextualizou a origem do termo Design e explanou brevemente algumas de suas principais definições. “Forma, função, harmonia e estética são conceitos debatidos desde os primeiros séculos da humanidade e foram responsáveis pela maneira como nós entendemos o que é Design hoje”, explicou. Segundo a especialista, quando se pensa em Design, é comum relacionar o tema à criação de artefatos e objetos; no entanto, o campo é muito mais abrangente e pode ser compreendido como uma área focada no desenvolvimento de projetos e na inovação social.

A consultora salientou que a abordagem deve ser ancorada em valores como empatia, colaboração e experimentação. Dusi lembrou, ainda, que a cultura organizacional no setor público costuma exigir a apresentação de soluções de forma muito rápida e chamou a atenção para os riscos que isto pode trazer. “Apresentar soluções que sejam rápidas demais tende a não resolver as reais dificuldades que impactam a vida das pessoas; por isso, acredito que a grande vantagem do Design no setor público é ajudar a identificar o problema certo e, só então, propor uma solução que seja capaz de resolvê-lo”, completou.

Por sua vez, Rodrigo Narciso compartilhou a experiência que teve na implementação da metodologia na ANAC. “Antes mesmo de pensar em estruturar um laboratório na Agência, nós começamos a trazer esse aspecto da inovação que o Design oferece, aliado ao conceito de gestão do conhecimento. Isso permitiu que desenvolvêssemos um espaço de trabalho sob a perspectiva de construir algo que atendesse as necessidades das pessoas”, destacou. O servidor contou que, por meio de uma oficina de Design, os servidores da ANAC foram colocados no “centro do processo” e apresentaram soluções que ajudaram a resolver conflitos internos e problemas de relacionamento.

Ao falar dos desafios da inovação no serviço público, Narciso afirmou que a hierarquia organizacional é uma questão que ainda apresenta resistência, mas disse que um dos pontos fundamentais para buscar apoio está na entrega dos resultados. “A proposta da inovação não é jogar contra a hierarquia, mas, sim, junto com ela. Existe uma resistência que não vai ser quebrada imediatamente, por isso precisamos trabalhar para apresentar bons resultados, conquistar patrocínio, mobilizar recursos humanos e promover o alinhamento das etapas do processo com as partes envolvidas e interessadas”.

InovaEscola

O laboratório de transformação da ESMPU foi oficialmente inaugurado em 16 de junho, com a realização da roda de conversa “O futuro não é mais como era antigamente: os possíveis impactos da pandemia no futuro do trabalho no serviço público”.

O objetivo do laboratório é contribuir para o avanço da capacidade inovadora da atuação do Ministério Público da União nas complexidades do presente e do futuro. Além disso, o InovaEscola visa incentivar trocas de experiência que fomentem e acelerem a inovação. Para conhecer mais sobre o laboratório, acesse a página www.escola.mpu.mp.br/inovaescola.

Secretaria de Comunicação Social
Escola Superior do Ministério Público da União
E-mail: secom@escola.mpu.mp.br
Telefone: (61) 3313-5115