Notícias

Boa Vista vai sediar simpósio sobre acolhimento e integração de refugiados e migrantes

Encontro acontece no dia 22 de novembro e busca fomentar a discussão em torno da necessidade de se estabelecer uma política local de integração para refugiados e migrantes
publicado: 25/10/2018 14h22 última modificação: 25/10/2018 16h41
Em sua quarta edição, evento será sediado em Boa Vista

Em sua quarta edição, evento será sediado em Boa Vista

Boa Vista (RR) vai sediar, no dia 22 de novembro, o Simpósio “Refugiados e Migrantes em Roraima: como acolher e integrar?”. Gratuita e aberta ao público externo, a atividade busca fomentar o debate sobre a necessidade de se estabelecer uma política local de integração para refugiados e migrantes. 

Os interessados podem se inscrever até às 12h do dia 15 de novembro pelo link “Inscrição e Resultados” do endereço  http://escola.mpu.mp.br. Podem participar membros e servidores do Ministério Público, do Poder Judiciário e da Defensoria Pública; representantes da sociedade civil; gestores e equipes de abrigos e integrantes de comitês de acolhida e de grupos de trabalho sobre empregabilidade; estudantes e jornalistas. São oferecidas 145 vagas para ampla concorrência. A seleção será por sorteio eletrônico. 

Realizada pela Rede de Capacitação a Refugiados e Migrantes, o simpósio vai acontecer no Auditório do Tribunal de Justiça de Roraima (Praça do Centro Cívico 296, Centro). Com duração de oito horas, o evento terá quatro mesas de discussão: “Contexto da Política Nacional Migratória e de Refúgio), “Plano Nacional de Interiorização: balanço, desafios e perspectivas”, “A Migração Indígena Venezuelana” e “Experiências Locais de Atenção a Migrantes e Refugiados”.

A Escola Superior do Ministério Público da União (ESMPU) não arcará com o pagamento de hospedagem, alimentação, traslado e passagens aéreas para os participantes. Para receber o certificado é necessário frequência mínima de 85%.

Rede de capacitação - Esta é a quarta atividade do Projeto "Atuação em rede: capacitação dos atores envolvidos no acolhimento, integração e interiorização de refugiados e migrantes no Brasil". Desde julho deste ano, o evento já foi sediado em Belém, Manaus e São Paulo, capacitando mais de mil pessoas, dentre jornalistas, agentes públicos, representantes de ONGs e demais interessados.

Além da ESMPU, a Rede de Capacitação a Refugiados e Migrantes é formada pela Procuradoria Federal dos Direitos dos Cidadãos (PFDC), o Ministério Público do Trabalho (MPT), o Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (ACNUR), a Organização Internacional para as Migrações (OIM), a Conectas Direitos Humanos, o Instituto Migrações e Direitos Humanos (IMDH) e a Defensoria Pública da União (DPU), o Fundo de População das Nações Unidas (UNFPA) e o Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF). Saiba mais sobre o projeto em http://escola.mpu.mp.br/h/rede

Outras informações sobre o evento estão disponíveis no edital. 

Edital

Assessoria de Comunicação
Escola Superior do Ministério Público da União
E-mail: ascom@escola.mpu.mp.br
Telefone: (61) 3313-5132 / 5126