Notícias

ESMPU homenageia vencedores do Concurso de Monografias 2009 e do 2º Prêmio de Jornalismo Universitário

Solenidade promovida esta semana em Brasília premiou os autores dos melhores trabalhos apresentados nos dois concursos. Ao todo, foram distribuídos R$ 58 mil em prêmios.
publicado: 18/08/2010 22h07 última modificação: 31/03/2017 17h25

A Escola Superior do Ministério Público da União (ESMPU) realizou na noite da última terça-feira (17), em Brasília, a solenidade de premiação do Concurso ESMPU de Monografias 2009 e do 2º Prêmio ESMPU de Jornalismo Universitário.

 

Os prêmios foram entregues aos autores das melhores monografias sobre o tema “Presunção de inocência e execução provisória da sentença penal condenatória no direito brasileiro e no comparado: uma visão crítica”, nas categorias servidores do Ministério Público da União (MPU) e universitários de graduação. Também foram contempladas reportagens sobre o MPU e a atuação de seus ramos, produzidas em 2009 por estudantes de jornalismo e publicadas em jornais-laboratório impressos, de rádio e de TV. Ao todo, foram distribuídos R$ 58 mil em premiações.

 

Na abertura da solenidade, o diretor-geral da ESMPU, Nicolau Dino Neto, falou sobre a importância das duas iniciativas para o MP e para o público em geral. “Os concursos representam incentivos acadêmicos para que a sociedade possa conhecer, avaliar e debater criticamente a atuação do Ministério Público”, destacou.

 

Para os servidores e estudantes vencedores das premiações, a participação nas atividades representou uma contribuição importante à vida profissional e acadêmica de cada um e uma oportunidade de aproximá-los das ações realizadas pelo Ministério Público. Marina Grosner, primeira colocada do Concurso de Monografias na categoria servidores do MPU, elogiou os concursos como iniciativas fundamentais ao desenvolvimento da reflexão crítica sobre temas de grande relevância. “Sinto-me valorizada e muito satisfeita com a chance de ter participado do concurso e obtido sucesso”, acrescentou.

 

O estudante Ian Kelmer, que conquistou pela segunda vez a primeira colocação no Prêmio de Jornalismo Universitário, Região Nordeste, considerou a iniciativa uma forma de aperfeiçoar sua atuação como profissional e de ter uma relação mais próxima com as atividades do Ministério Público. “Se toda escola no Brasil tivesse a iniciativa de fazer pelo menos metade do que foi esse concurso, acho que os estudantes se sentiriam mais estimulados a participar, não só para ganhar os prêmios, mas para conhecer melhor a realidade do local em que vivem”, concluiu.

 

Um dos avaliadores do Concurso ESMPU de Monografias 2009, o procurador regional da República Douglas Fischer ressaltou o papel dos concursos como estimuladores do pensamento crítico. O procurador vê grande importância no diálogo com os estudantes que estão deixando a academia para acrescentar novas visões e valores às atuações do Ministério Público. “Vi posicionamentos contrários aos meus muito bem fundamentados, posições críticas desenvolvidas por pessoas com vontade de pensar e valores acadêmicos que podem nos desprender do tradicional”, destacou.

 

Homenagem póstuma – O encerramento da cerimônia foi marcado por uma homenagem ao estudante Dyolen Vieira, morto em um acidente de carro um mês depois da publicação do resultado do concurso. Autor da reportagem vencedora do 2º Prêmio ESMPU de Jornalismo Universitário na Região Centro-Oeste, Dyolen foi representado pela mãe, Dimerci Vieira. Segundo ela, atuar como jornalista era um sonho de infância do filho. “A oportunidade de ter participado do concurso e a vitória obtida foram muito importantes para ele”, contou. Dyolen era formado em comunicação social, com habilitação em rádio e TV. Cursava o 6º semestre de jornalismo na Universidade Federal de Mato Grosso, fazia estágio em um veículo de comunicação e era mestrando em estudos de cultura contemporânea.

 

A solenidade de premiação do Concurso ESMPU de Monografias 2009 e do 2º Prêmio ESMPU de Jornalismo Universitário contou ainda com a participação da diretora-geral adjunta da ESMPU, Ivana Santos, da procuradora da República no DF Luciana Loureiro, do professor da Faculdade de Comunicação da Universidade de Brasília Solano Nascimento, do chefe de jornalismo da Band News FM Brasília, William Correa, e do diretor do Sindicato dos Jornalistas Profissionais do DF, Antônio Carlos Queiroz, além de familiares e amigos dos vencedores.

Assessoria de Comunicação
Escola Superior do Ministério Público da União
E-mail: ascom@escola.mpu.mp.br
Telefone: (61) 3313-5132 / 5126