Notícias

ESMPU inaugura Centro de Apoio em São Paulo

O CAP, que faz parte do projeto de regionalização das atividades da instituição, foi inaugurado nesta sexta-feira (7/6)
publicado: 07/06/2019 18h24 última modificação: 07/06/2019 19h11
A unidade foi inaugurada com a presença da PGR Raquel Dodge

A unidade foi inaugurada com a presença da PGR Raquel Dodge

Com a presença da procuradora-geral da República, Raquel Dodge, do vice-procurador-geral do Trabalho, Luiz Eduardo Bojart, e do procurador-chefe da Procuradoria da República em São Paulo (PR/SP), Thiago Lacerda Nobre, a Escola Superior do Ministério Público da União (ESMPU) inaugurou, nesta sexta-feira (7/6), o Centro de Apoio em São Paulo. Localizado no prédio que abriga a PR/SP, o CAP faz parte do projeto de regionalização das atividades acadêmicas da instituição.

Antes de descerrar a placa que formaliza o espaço da ESMPU, Raquel Dodge afirmou que a inauguração do Centro de Apoio é um momento muito significativo para o Ministério Público da União e para o fortalecimento de sua Escola Superior. Ela explicou que acredita que só a educação é capaz de libertar, empoderar e fortalecer a sociedade, e fez ampla defesa dos benefícios de uma sociedade que tem mais acesso à educação. “A educação ajuda na construção de um tecido social mais sadio. Pessoas mais informadas participam da vida pública e são cidadãos mais responsáveis”.

Dodge ainda ressaltou que para que o MP cumpra sua missão constitucional é preciso investir na formação continuada de membros, servidores, estagiários, terceirizados e apoiadores. “A educação do corpo funcional do Ministério Público como um todo é muito importante porque a sociedade evolui, as leis mudam, a compreensão do Direito muda”, defendeu a PGR ao exaltar a ESMPU como espaço de atualização e reflexão dos integrantes do MPU.

O diretor-geral da ESMPU, João Akira Omoto, demonstrou grande satisfação pelo fato de a unidade representar a concretização de algumas missões que recebeu ao ser convidado para gerir a instituição de ensino. Akira explicou que os CAPs, instalados em cinco capitais, buscam aproximar ainda mais a Escola, a sociedade, os membros e os servidores de todo o país. Outro ponto positivo do projeto comemorado pelo diretor-geral é a possibilidade de prestigiar as diferenças e desigualdades regionais e desenhar atividades pedagógicas mais voltadas às peculiaridades de cada região, proporcionando maiores ganhos para a capacitação e para todo o MPU.

Akira também ressaltou que a regionalização das atividades promove a economia e o investimento responsável de recursos públicos, pois utiliza espaços já pertencentes à estrutura do MPU, evita o gasto com deslocamentos e diárias e aumenta a quantidade de pessoas capacitadas. Somente em São Paulo, a ESMPU poderá atender 2.551 membros e servidores. “Estamos construindo uma Escola que esteja ao alcance de todos”, finalizou.

O procurador-chefe da PR/SP, Thiago Lacerda Nobre, também registrou seu contentamento em destinar um espaço subutilizado da unidade para um projeto com objetivos tão relevantes para o MPU. Também participaram da solenidade o diretor-adjunto da ESMPU, Alberto Balazeiro, a procuradora-chefe da Procuradoria Regional da República da 3ª Região, Rosane Cima Campiotto, o diretor da Escola Paulista de Magistratura, Francisco Eduardo Loureiro, o superintendente jurídico da Universidade de São Paulo, Erival da Silva Ramos, entre outras autoridades do Ministério Público brasileiro, do sistema de justiça e da área acadêmica.

Veja as fotos da cerimônia.

Regionalização – O projeto que teve início em 2018 busca ampliar a participação de servidores (as), membros (as) e sociedade civil que não residem em Brasília nos treinamentos, sem aumentar custos. A iniciativa já possibilitou o incremento de 65% nas vagas presenciais, além da criação de um projeto de extensão acadêmica com 7.238 vagas em 2019.

Além de São Paulo, os Centros de Apoio estarão localizados no Rio de Janeiro (RJ), na Procuradoria da República no Rio de Janeiro; em Porto Alegre (RS), na Procuradoria da República no Rio Grande do Sul e na Procuradoria Regional da República da 4ª Região; em Belém (PA), na Procuradoria da República no Pará; e em Recife (PE), na Procuradoria da República em Pernambuco e na Procuradoria Regional da República da 5ª Região.

Visite a página dos Centros de Apoio no site da ESMPU e saiba mais sobre o projeto. Confira também as informações em vídeo no YouTube.  

Notícias relacionadas:

25.10.2018 – Diretor-geral anuncia criação de unidade de apoio da ESMPU em São Paulo

19.11.2018 – Projeto de criação de unidades de apoio da ESMPU chega ao sul

29.11.2018 – Rio de Janeiro receberá terceiro centro regional de apoio da ESMPU

17.01.2019 – Procuradoria da República em Belém receberá Centro de Apoio da ESMPU na região norte

27.03.2019 - Recife é a quinta cidade a receber Centro de Apoio da ESMPU

Assessoria de Comunicação
Escola Superior do Ministério Público da União
E-mail: ascom@escola.mpu.mp.br
Telefone: (61) 3313-5132 / 5126